Como vender show de artista: dicas atualizadas para 2023

Alô cantor! Tudo certinho? Vou direto ao ponto: você sabe como vender show de artista?

Agora que a pandemia foi controlada, as casas de shows voltaram a encher e você não quer perder as oportunidades de subir no palco, né? Afinal, as apresentações ao vivo são ótimas maneiras de conquistar novos públicos e de divulgar o seu trabalho. 

Pensando nisso, separei algumas dicas atualizadas sobre o assunto. E uma coisa que eu posso adiantar é: não dá pra contar com a sorte! Tem que trabalhar duro e ter presença. 

Então, bora conhecer os principais pontos para começar a vender show de uma vez por todas? Vamos lá!

Tenha um projeto consistente

Aquela expressão “água mole em pedra dura, tanto bate até que fura” nunca fez tanto sentido quanto no meio musical. 

Calma! Eu vou explicar… 

O que eu quero dizer é que com persistência tudo se consegue. Mas isso significa que você precisa trabalhar e colocar a mão na massa. Afinal, a sua presença musical vai servir como um comprovante na hora de vender os shows. 

Então, antes de mais nada, certifique-se que seu trabalho artístico tem qualidade e consistência. Caso contrário, o contato com os contratantes será frustrante.

Em outras palavras, você deve desenvolver uma identidade visual bem definida, ter lançamentos nas plataformas musicais e contar com conteúdos em suas mídias sociais que estão mostrando que a música está em seu cotidiano e que você está construindo uma base de fãs no projeto. Hoje quem tem audiência digital, tem o contato garantido. 

Tudo isso ajuda na hora de vender os shows, pode acreditar!

Entenda o que seus contratantes buscam

Para conseguir vender shows, é importante entender o que os promotores, casas de shows e contratantes buscam.

E olha, nem sempre a música por si só é um requisito. É comum os contratantes observarem o perfil profissional, o interesse em construir uma carreira de sucesso, o carisma e até a agilidade na hora de responder os emails e mensagens. 

Quer um exemplo? Eu mesmo fiz um teste recentemente. Entrei em contato com dezenas de artistas e disse que queria um orçamento de show. Quase ninguém tinha um material profissional para me apresentar, além de demorar muito em me dar uma resposta. Olha que baita oportunidade pra você se diferenciar na hora de vender seu show artístico. 

Neste sentido, vale sempre apresentar alguns formatos de shows para que este contratante possa organizar algo com você. Em vez de promessas e descontos, entenda as necessidades de quem está do outro lado. Aliás, você pode planejar ações na divulgação e trazer ideias para que o evento seja uma via de mão dupla, ou seja, bom para você e para o contratante – é claro. 

Desenvolva uma rede de contatos

E o networking, como vai?

Estabelecer uma rede de contatos é importante para qualquer área, ainda mais no universo musical. Sendo assim, procure construir um bom relacionamento com outros artistas, empresários, produtores, donos de casas de show e por aí vai. Os eventos do setor são uma boa oportunidade para isso, fique atento com isso. Eu mesmo sempre compartilho e participo desses eventos. 

Ah, e não precisa ser forçado, tá? As relações devem ser naturais! Sempre que conhecer alguém do meio artístico, salve o contato e siga nas mídias sociais. De vez em quando, deixe um comentário, troque algumas palavras no inbox e mantenha aquele contato na rede. 

Também vale aproveitar os momentos na vida real para trocar uma ideia. Por exemplo, em apresentações de outros artistas, visitas em ambientes que podem criar apresentações etc. 

Lembre-se sempre: quem não é visto, não é lembrado.

Saiba vender o seu peixe

É hora de puxar a brasa para o seu lado! 

Todo artista tem um diferencial, certo? E caso você não tenha, procure desenvolver ou descobrir o seu imediatamente! Porque isso ajudará a brilhar os olhos dos contratantes. 

Nessa hora, é importante saber algumas formas de oferecer o seu produto. Algumas dicas, são:

  • Conhecer bem o seu próprio trabalho;
  • Aprender a negociar;
  • Contornar objeções;
  • Deixar claro o propósito;
  • Estabelecer contato visual.

Aposte no marketing musical

Uma dica importante para aprender como vender show de artista é investir no marketing musical. Isso significa que o seu material de divulgação precisa chamar a atenção, além de ser objetivo e completo em informações. Neste sentido, vale montar um mídia kit com dados sobre o seu trabalho. 

Você pode incluir elementos como biografia, fotos, músicas, clipes e outras informações. Também vale montar um site e trabalhar o conteúdo nas mídias sociais. 

E nada de ociosidade, hein? Tenha um planejamento musical de todas as suas estratégias. Quando o contratante for analisar o seu perfil, ele notará a movimentação e o cuidado com o marketing pessoal. 

Tenha postura de artista

Além de uma apresentação de qualidade, a sua comunicação e postura pessoal também têm muito peso. E isso vale tanto no ambiente físico quanto no digital – a forma como você responde os seguidores, a abordagem de negociação, o jeito de conversar… 

TUDO precisa ser feito da forma mais educada e profissional possível. 

Antes de construir uma relação sólida, evite piadinhas que possam deixar o ambiente de negociação desconfortável. Quando já tiver um pouco de afinidade com o contratante, marque um happy hour informal para estreitar ainda mais o relacionamento entre vocês. 

Como vender shows para as prefeituras

Uma boa dica para cantores, duplas e bandas é entender como vender shows para prefeituras e outros órgãos governamentais. Entretanto, as contratações neste setor costumam ser mais burocráticas. 

Atualmente, a lei brasileira dispensa a licitação para a contratação de artistas por prefeituras. Por outro lado, é comum que um edital público tenha várias exigências a serem cumpridas pelos artistas.

Sendo assim, mantenha uma lista de documentos na manga quando surgir uma oportunidade em eventos públicos:

  • Cópia dos RGs e CPFs dos artistas;
  • Comprovante de residência;
  • Contrato social, certidões negativas de débitos e de regularidade fiscal;
  • Proposta e justificativa de projeto;
  • Orçamento detalhado;
  • Apresentação para conhecimento público;
  • Assinatura de termo de compromisso;
  • Emissão de nota fiscal. 

Bônus: Deixe seu perfil e identidade visual preparados para receber os contratantes

Será que suas mídias e materiais estão preparados para serem avaliados pelos seus futuros contratantes? Será que a estratégia está certa? Será que você está errando em algo? Muitos artistas só se preocupam com os seguidores e esquecem dos cuidados comerciais.  

Para saber isso é preciso contar com uma ajuda profissional. E adivinha? Você pode ter essa avaliação totalmente grátis. Como? Apenas clique aqui e descubra como conseguir.

E aí, deu pra aprender como vender show de artista? Eu espero ter ajudado de alguma forma! E caso tenha ficado com alguma dúvida, bora marcar uma consultoria especializada. Posso te ajudar a destravar algumas estratégias e a decolar a sua carreira! Um abraço e até mais! 

Comentários

comentários